• sexta-feira, 28 de abril de 2017
  • 03:14 Icone do tempo--ºC / --ºC

Economia

16/2/2017 às 17h03

Planos de saúde perdem 192 mil clientes em janeiro

No acumulado de 2016, setor perdeu 1,47 milhão de beneficiários.

Os planos de saúde continuaram a perder clientes no começo de 2017. Segundo dados divulgados nesta quinta-feira (16) pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), houve uma redução de 192,2 mil no número de beneficiários em planos de assistência médica em janeiro.

O número de clientes em planos de saúde em janeiro somou 47.592.368 ante 47.784.589 em dezembro do ano passado.

Já o número de clientes em planos exclusivamente odontológicos subiu para 22.209.112, um acréscimo de aproximadamente 169 mil beneficiários.

O movimento é reflexo da prolongada crise econômica brasileira e do aumento do desemprego, que superou a casa de 12 milhões de pessoas procurando trabalho. Em 2016, o Brasil fechou 1,32 milhão de empregos formais.

A taxa de desemprego alcançou 12% do 4º trimestre de 2016 – marca recorde na série histórica iniciada em 2012. No ano passado, o Brasil perdeu mais 1,32 milhão de empregos formais (em 2015, já tinham sido eliminados 1,54 milhão de empregos com carteira assinada).

Muitas dos desempregados perderam o plano de saúde corporativo e entram na lista de pessoas que deixaram de ser beneficiárias de planos de saúde privados.

Comentários



  • Regras para comentários

    Não serão aceitas as seguintes mensagens:

    Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;

    Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;

    Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;

    De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;

    Anônimas ou assinadas com e-mail falso;

    O Portal Regional:

    Não se responsabiliza pelos comentários dos internautas;

    Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;

    Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;

    Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.

Leia também